Analytics pode ser aliada da diversidade

< 1 minuto de leitura

A análise de dados pode ajudar as empresas a promover mudanças em suas políticas de diversidade, equidade e inclusão



Por Redação em 06/04/2022

As técnicas de analytics podem se tornar aliadas das organizações que desejam implementar boas práticas de diversidade em seus quadros. Para tanto, é necessário que a codificação dos dados seja isenta de preconceitos. 

“Os preconceitos são codificados quando as pessoas que escrevem os algoritmos trazem seus próprios estereótipos para a programação, explicou  Shujaat Ahmad, diretor de análise de pessoas do LinkedIn, durante a apresentação Tendências em Análise de Diversidade e Divulgação de Dados, que integra a extensão do curso Leading Diversity in Organizations, da Wharton School.

Para Ahmad, a remoção dos preconceitos requer uma recodificação diligente, incluindo a clareza dos princípios orientadores. “É preciso recodificar e ser criativo para definir um futuro de trabalho sem discriminação”, pontuou.

Análise de dados é fundamental para identificar falhas

Durante debate liderado pela professora Stephanie Creary, os participantes apontaram que os principais problemas relacionados à discrimação dos sistemas de analytics começam durante a coleta de dados. “Muitos funcionários relutam em responder a perguntas sobre suas experiências no local de trabalho, enquanto muitas empresas não informam seus dados de diversidade, já que isso mostra suas deficiências“, afirmou Matthew Bidwell, professor associado de gestão da Wharton.  

No entanto, os debatedores afirmam que, apesar dos obstáculos, a análise de dados é uma ferramenta eficaz para empresas que desejam identificar (e corrigir) suas falhas relacionadas à diversidade e inclusão. Os especialistas pontuam que mesmo as melhores organizações têm erros que precisam ser corrigidos e a análise de dados faz toda a diferença para isso. 

“Em 90% das vezes, as pessoas entendem as ferramentas de analytics como inimigas da diversidade, e isso é um erro. Queremos pensar em como podemos usar a análise para entender melhor o problema, de forma que ele possa ser resolvido”, finalizou Bidwell.



Matérias relacionadas

zero trust Estratégia

Entenda o conceito de segurança Zero Trust

Com a nuvem, cada vez mais os usuários e dispositivos acessam dados de suas empresas a partir de qualquer lugar, o que aumenta a vulnerabilidade

redes neutras Estratégia

Redes neutras de fibra óptica viabilizam novos negócios

Redes neutras para conexão de banda larga estão amadurecendo novos modelos de negócios para provedores de acesso à internet e investidores

habilita o varejo Estratégia

Tecnologia se tornou espinha dorsal que habilita o varejo

Em entrevista, Daniel Feche, da Embratel, explica que a pandemia não só acelerou a digitalização do varejo como também mostrou a relevância das tecnologias para os negócios

home office microsoft Estratégia

Para CEO da Microsoft, home office abre várias oportunidades

Tânia Cosentino, CEO da Microsoft, diz que o home office veio para ficar e que o modelo de trabalho flexível permite que empresas, principalmente de tecnologia, retenham talentos