tecnologia setor de transportes

Tecnologias ampliam segurança no transporte

2 minutos de leitura

Acidentes e custo operacional pode ser reduzido com o uso de videomonitoramento de veículos



Por Redação em 10/11/2022

Garantir a segurança na estrada é considerada uma tarefa desafiadora para o setor de transportes. E algumas tecnologias, como o videomonitoramento e a alta conectividade, podem reduzir acidentes e comportamento de risco nas rodovias.

De acordo com a Confederação Nacional do Transporte (CNT), 47% dos acidentes com vítimas fatais são provocados por caminhões nas rodovias. No total, existem 3,7 milhões de caminhões circulando pelo Brasil atualmente.

Em entrevista para o Valor Econômico, Vania Lago, diretora de Vendas da Embratel, relatou a tecnologia é a principal ferramenta que pode ser usada pelo setor de transportes que busca mais segurança nas estradas.

A Inteligência Artificial (IA) permite que um sistema de videomonitoramento crie soluções para o setor de transportes. Ela explica que o serviço foi desenvolvido a partir da alta conectividade e de análise de dados de veículos que usam sensores.

“O monitoramento desponta como a melhor solução em segurança nos transportes. O avanço tecnológico dos últimos anos propicia maior alcance na conectividade, além de soluções inteligentes que melhoraram a análise de dados gerados, tanto pelos veículos e pelas cargas, via sensores, quanto pelo comportamento dos condutores, avaliado por câmeras.”

Serviço funciona na nuvem

Além de evitar acidentes e identificar conduta perigosa dos motoristas, o uso de tecnologias de monitoramento no setor de transportes pode representar mais segurança para as cargas transportadas.

Veículos equipados com sensores e sistema de inteligência artificial podem oferecer geolocalização em casos de desvio de carga, por exemplo. Somente em 2021, o roubo de cargas gerou um prejuízo de R$ 1,27 bilhão.

Vania Lago disse em entrevista que a Embratel desenvolve soluções de tecnologia para veículos no setor de transporte. A empresa alia experiência com soluções digitais para criar ferramentas de gestão virtual de cargas e transporte.

“Por ser uma empresa acostumada com as diferenças geográficas de um país continental como o Brasil, com décadas atendendo grandes clientes, a Embratel consegue uma conectividade robusta, apoiada por mobilidade e soluções digitais, com videomonitoramento com Inteligência Artificial (IA) e dados acessados em nuvem.”

A tecnologia funciona usando armazenamento de dados na nuvem e sensores, que são capazes de identificar situações de risco. Além disso, câmeras inteligentes avaliam o comportamento do motorista e as condições das estradas.

O uso de tecnologia no setor de transporte já é realidade em empresas como a Vale. A empresa criou um sistema de caminhões autônomos que reduziu o número de acidentes e o custo operacional no transporte de minério, em minas como a de Brucutu, em Minas Gerais, além de instalações no Rio de Janeiro, Pará e Maranhão.



Matérias relacionadas

drex liquidez Inovação

Drex: mais liquidez com uso de ativos

Clarissa de Souza, a responsável pela arquitetura que suportará a nova moeda digital, explica a sua funcionalidade e segurança

inclusao mulheres Inovação

Inclusão das mulheres na liderança também chega ao setor financeiro

Para Marisa Reghini, características femininas como colaboração e visão holística têm muito a contribuir para a evolução do setor como um todo

tendencias digitais Inovação

Sete tendências digitais para a década, segundo Sandy Carter

Executiva da Unstoppable Domains é especialista em web 3.0 e apontou caminhos na recente SXSW

bancos preparacao quantica Inovação

Bancos, indústrias e pesquisadores trabalham na preparação quântica

Tecnologia ainda depende de respostas da ciência básica, mas empresas já buscam antecipar as oportunidades e desafios com computação e comunicação baseadas nas propriedades de partículas elementares